William

Fernandes

Escritor, Dramaturgo, Músico e Psicanalista

Por que escrever peça de teatro nos dias atuais?

Vamos lembrar que o autor de teatro é qualquer um que tenha papel e caneta; se precisar criar imaginando sua obra realizada, ele olha ao redor, observa seus amigos, seus convivas e já “vê” seus personagens vivos. É assim que o teatro nasce: imaginando gente fazendo coisas na frente de gente. O produto final é a aglomeração das pessoas que inciaram a criação, somada à plateia.

A PEÇA CONVOCA À REUNIÃO, POR ISSO, À SUBVERSÃO

Imagino que quando você se depara com uma ideia para uma peça teatral, você se pergunte: Para que Escrever Peça de Teatro? As redes sociais e canais de baixo calão da TV, informam o tempo todo sobre os ganhos milionários daqueles que vendem truques sobre como ser feliz; como ganhar muito dinheiro sem trabalhar; como ser amado, mesmo sendo um egoísta miserável; ou como ser um sucesso absoluto em tuto, mesmo não sabendo nada sobre absolutamente nada. Milhões entram nas contas desses espertos que organizam tais publicações e eventos. Quem escreveria peça de teatro nesse cenário vorás? Resposta: gente rara.

O Teatro é subversivo, pois qualquer um pode inventar teatro em qualquer lugar: garagem, pátio de escola, sala de jantar, teatro ou rua.

Foto:Teatro Oficina de São Paulo (1968) – O Rei da Vela de Oswald de Andrade

A Arte Marginal

Um governo medroso, portanto, violento, imagina poder controlar as criações subjetivas de uma nação inteira (lembre, um poder violento é fraco e teme as ideias, pois elas não se machucam com a violência física), porque quer inibir tudo o que não lhe serve. Apela de forma desesperada: chama a essas medidas opressivas de “luta pela ética, moral e família”. Com tanto poder nas mãos, como não ficar impotente? Criando na marginalidade. E essa é uma das respostas a pergunta “Porque escrever peça de teatro?”.


O teatro pode ser marginal, pois não depende de linhas de captação de recursos governamentais, não depende de patrocínios nem de apoiadores para acontecer.


Mas Por que Minha Peça não Tem Valor Comercial e Outros Ficam Ricos?

Lembre que grande parte da tal “industria do teatro” é formada por produtos que são apenas repetições da estética do cinema ou do conteúdo da TV/Youtube. Não se contamine. Mesmo que esquetes de TV/Youtube e recriações do cinema (sempre estadunidense) consigam grandes patrocinadores e sejam montados num palco, e você consiga comprar um ingresso e sentar-se a 200 metros de distância para ver essa maravilha…. essa maravilha é financeira e, no caso dos musicais estadunidenses, por exemplo, ela só existe para os que puderam comprar cadeiras nas primeiras 50 fileiras. Que fique claro que critico aqui o fato do empresariado brasileiro comprar mais franquias estadunidenses do que apoiar suas próprias produções. Não critico o Teatro Musical enquanto linguagem. Então, não se impressione nem compare qualquer criação artística com os supostos sucessos de bilheteria, de público, de curtidas ou as infames “visualizações”; eles competem entre si.

Escrever Peça Para Quem?

Embora exista, sim, uma multidão formada por pessoas de todas as idades usando mais o polegar sobre um celular do que o cérebro, que jamais se interessaria sobre o que está acontecendo ao vivo numa garagem, jardim ou livraria independente, existe uma outra multidão que se posiciona exatamente de outra forma. Ela só é mais silenciosa. Isso, quantitativamente, pode significar grupos de milhares de indivíduos de todas as idades; vivendo no campo, nas vilas, nas cidades pequenas, favelas e grandes centros. Nem todos estão contaminados pelo “vírus do sucesso” e das redes sociais. Alguns ainda querem uma experiência vivencial, autêntica, humana e isso; é ouro. Escreva peças para elas.

Theater. Equality, Then What? New Plays Explore Modern Gay Life

Foto: Theater. Equality, Then What? New Plays Explore Modern Gay Life

Matrículas Abertas

Faça o curso de Redação de Textos Teatrais

E transforme sua Ideia em Espetáculo.


Autor do Curso: William Fernandes

Imagem: Benjamin Lillie e Katrin Wichmann

Previous Next
Close
Test Caption
Test Description goes like this